Natura acusa Jequiti de plágio

21 de Agosto de 2012 · Atualizado às 16h33
Compartilhe:

O Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) acatou a denúncia da Natura contra a Jequiti numa implicação de plágio. A empresa de Silvio Santos deve retirar a campanha denunciada do ar num prazo de 180 dias.

 

Segundo o Conar, a Natura, sendo uma empresa associada ao Conselho, pôde denunciar a Jequiti, o que ocorreu em 30 de julho. Os documentos informavam que a ideia de uma propriedade da empresa estaria sendo copiada. Uma referência aos produtos Comix, da Jequiti, em relação aos da linha Humor, da Natura.

 

Veja o comercial da Natura:

 

 

Veja o comercial da Jequiti:

 

 

A Natura alegou que vem desenvolvendo o conceito e o produto desde 2006. Os apelos cômicos e irreverentes faziam parte da campanha desde então. Além disso, a linha Humor era voltada ao público jovem. A abordagem da Jequiti com a linha Comix, além de semelhante, também visa o mesmo tipo de consumidor.

 

O Conar aceitou a denúncia. Porém, a defesa da Jequiti ainda refutou que os conceitos eram totalmente diferentes e que o humor na propaganda não pode ser considerado propriedade de ninguém.

 

O conselho de ética do Conar, por maioria de votos, deu razão à Natura e recomendou que a campanha da Jequiti fosse retirada do ar, além de instruir a empresa a alterar as embalagens eliminando as referências semelhantes. "Essa decisão se deu em primeira instância e é passível de recurso", explica Eduardo Correa, porta-voz da entidade.

 

A empresa do Grupo Silvio Santos informou que tomou conhecimento da decisão do Conar e apresentará recurso dentro do prazo legal.

 

Redação Adnews

Comentários ()


Receba notícias no seu e-mail